icone_PE.png
Prontuário Eletrônico

A partir do conceito de prontuário único do paciente para toda a rede assistencial e com visão multiprofissional, a Fast Medic desenvolveu uma ferramenta que garante um fluxo de processos otimizado e padronizado. Oferece também protocolos clínicos de apoio aos profissionais que propiciam melhor gerenciamento dos recursos disponíveis, das filas, da distribuição e aproveitamento das consultas, dos medicamentos e procedimentos que asseguram economia e efetiva gestão de recursos.


O Prontuário Eletrônico permite estratificar automaticamente, planejar ações de cuidado e acompanhar a situação de saúde de pacientes crônicos (hipertensos, diabéticos, etc.), possibilita acompanhar todo o ciclo de vida do cidadão (crianças, adolescentes, adultos e idosos).


Admite acompanhamento específico da saúde da mulher, principalmente gestantes, acompanha a vacinação da população e o controle da cobertura vacinal.


Propicia ao gestor o monitoramento sobre a utilização de sua rede assistencial, auxiliando no planejamento administrativo, controle dos recursos humano e financeiro, controle epidemiológico da população, acompanhamento dos indicadores do Previne-Brasil, além da integração com diversos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS, SIA, SIH, SI-PNI, HORUS, CNES, CADSUS, RNDS, entre outros).

selo.png

Módulos do Sistema

icone_PE.png
icone_MAC.png
icone_MCID.png
icone Regulacao.png
icone medicamentos.png
icone Epidemiologia.png
icone FROTA.png
icone vigilancia.png

Benefícios

  • Acompanhamento mensal dos Indicadores do Previne Brasil

  • Aplicativo móvel para a população – com informações de saúde e telemedicina disponíveis e acompanhamento de dependentes.

  • Indicadores Financeiros – valor e quantidade de medicamentos, procedimentos e insumos utilizados na atenção à saúde.

  • Indicadores de Atendimento – quantidades de consultas, exames e procedimentos realizados na rede assistencial.

  • Indicadores de Acompanhamento da População – Crônicos, Ciclo de Vida, Imunização.

  • Indicadores Epidemiológicos – Saúde mental, infectocontagiosas, agravos de notificação obrigatória, etc.

  • Protocolos próprios de atendimento para Hipertensão, Diabetes, Hanseníase, Tuberculose, Saúde Bucal, Saúde Mental, Mulher, Criança, Adolescente, Adulto e Idoso.

  • Classificação automática de risco, definição e acompanhamento de plano de cuidado nos protocolos de atendimento.

  • Tecnologia de Odontograma e Periodontograma Digital, que permite o registro do plano de cuidado programado e realizado para cada paciente, refletindo os procedimentos realizados diretamente na imagem.

  • Integração com o Ministério da Saúde - E-SUS, SIA (BPA, BPA-I e RAAS), CADSUS, SI-PNI, HORUS, SIH, APAC, CNES, SIGTAP, RNDS, entre outros.

  • Controle da prescrição, dispensação e estoque de medicamentos e insumos.

  • Mobilidade, permitindo que tanto o cadastro populacional quanto os atendimentos sejam realizados pelos ACS diretamente nas residências.

  • Diminuição na repetição de solicitações de exames, procedimentos e encaminhamentos.

  • Inclusão de resultados (laudos) e imagens diagnósticas.